Warning: count(): Parameter must be an array or an object that implements Countable in /var/www/html/vanessatcm.blog-dominiotemporario.com.br/web/wp-content/plugins/social-share-buttons-by-supsystic/vendor/Rsc/Menu/Page.php on line 228
Vem que a gente explica! - 4 amigas com muita história pra compartilhar!

Pais nunca erram?

Será mesmo que pais nunca erram? Óbvio que isso não faz o maior sentido e pode ser tratado até como “Fake News”. Antes de sermos pais, somos seres humanos. Sendo humanos não somos perfeitos. Não sendo perfeitos, somos passíveis de erros! Não temos equilibrio o tempo todo. Nós surtamos, gritamos e erramos. Temos preguiça. Comemos “besteiras”. Falamos besteiras. Palavrões nos acompanham. Não sabemos todas as fórmulas. Conjugamos “verbos” em tempos errados e as conjunções falham… Falamos para nossos filhos fazerem […]

Continue Reading

Com que roupa eu vou?

No Samba que você me convidou? Lembram-se dessa música do Noel Rosa? Quem nunca se fez essa pergunta? Ela é recorrente justamente porque vestir-se traduz muito do que você é. O dilema surge justamente quando esse dilema não está completamente resolvido  ou solucionado. E dentro desse mar de possibilidades estamos  remando para encontrar o que nós cai bem, o que realmente traduz quem somos, o que realmente causa o efeito woww, não só para os outros, mas para nós também […]

Continue Reading

Expressar sentimentos é fácil?

     Expressar sentimentos definitivamente não é uma tarefa das mais fáceis. Quantas vezes você já ficou com algo entalado na sua garganta?     São tantas convenções… Tantos senões… Tanta necessidade de inteligência emocional engarrafada para não sair fora do padrão, do que é esperado…     Ok! As vezes,  não se trata disso. Apenas uma timidez  que não permite  esboçar reação alguma. Paralisa! Não deixa fluir o que se está sentindo. Nesses casos, o risco de se passar uma mensagem errada é enorme. Pode transparecer frieza e […]

Continue Reading

MAYDAY!!!!!!

Primeiro, explicações… Mayday é uma palavra-código para emergência. É usada em todo o mundo nas comunicações emitidas por tripulantes de aeronaves ou de navios, quando estão em situação de risco (https://pt.wikipedia.org/wiki/Mayday). Dias atrás estava num voo e fazia algum tempo que não sentava na “janelinha”. Gosto de olhar as nuvens e ter a sensação de estar encima de um “monte de algodão”! Parece fofo e aconchegante. Porém, nesse dia que estava na janelinha, olhei para fora e para baixo e […]

Continue Reading

Vem que a gente conta tudo!

Se tomar cafés com amigas já é a melhor terapia do mundo, imagina viajarem juntas! É a melhor terapia do universo, que me desculpe o Freud, nem ele pode explicar tamanha a aventura boa que é essa! Por que? Porque nessas viagens a gente não tem hora pra nada, o único combinado é a hora da saída (bem cedo de preferência); Porque a gente anda milhas e milhas e milhas e não tem tempo ruim (pra isso sapatos  confortáveis e […]

Continue Reading

Qual a sua fé?

Nasci numa família católica  com todas às tradições e ritos sempre presentes, incluindo as idas à missa todas as semanas. Amo as orações do Pai Nosso e Ave Maria. Tenho fé, muita fé e acredito fortemente  na existência de Deus, de Jesus Cristo e da Santíssima Trindade. Respeito outras religiões e suas crenças. Porém,  o que cada vez mais me questiono são os dogmas e regras que vem com as religiões e algumas outras coisinhas,  não tão coisinhas assim. Por […]

Continue Reading

Poder e Decadência

    Acredito mesmo que extremos são perigosos e não fazem bem. Digo isso porque enxergo que Poder e Decadência então no mesmo plano cartesiano, porém em lados extremos. O lado do poder traz consigo possibilidades traduzidas de autoconfiança, um certo egoísmo, um quê de soberba e holofotes. Já a decadência apresenta baixa autoestima, escuridão, falta de esperança e dose extra de vitimismo. Ambos os casos podem ser gatilhos para ações não convencionais em sociedade. Podem ser destrutivos e aqui não […]

Continue Reading

4 dicas simples para deixar a nuvem negra bem branquinha

Existem fases, pessoas e dias em que aquela nuvenzinha negra anda sobre nossas cabeças, bem como nas histórias em quadrinhos. E quando notamos que a dita cuja está nos seguindo, é hora de agir. Assoprar, respirar e correr para longe dela, porque diferentemente dos quadrinhos e dos dias de chuva, ela não se dissipa se não agirmos. Nossa nuvem é dependente de nós, de nossas ações e decisões. Se a quisermos linda, branca e com raios de sol, temos que […]

Continue Reading

Ressaca Moral

Deixe para se arrepender depois! Isso mesmo é hora de aprendermos a colocar o coração como bússola e a mente no horizonte e fazer algo por nós mesmos, porque se a gente não fizer ninguém vai fazer por nós! A máxima está sempre valendo, melhor se arrepender de ter feito do que nunca ter tentado… e vale pra qualquer coisa da vida que queiramos. É hora de a gente deixar de se preocupar com os que os outros vão dizer […]

Continue Reading

A fruta não cai longe do pé… Mas tem seu próprio sabor!

Há 17 anos me tornei mãe. Imagine, gerar uma vida! Me senti dona de um empoderamento indiscutível, até sair na porta da maternidade. E agora? Um pedacinho de mim, de nós…. Inseguranças, medo, felicidade e emoção… Sentimentos tão misturados. Muitas vezes não sei se riu ou se choro. Não existe conduta perfeita. Converso muito com o silêncio e ele me deixa no vácuo… Me desafio, me cobro tanto… Tô errando? Acertando? Os dois! Como ensinar pessoinhas diferentes se sou uma […]

Continue Reading

Convidado – João Miguel Melaré: Não é um texto de autoestima!

Hoje conosco, João Miguel Melaré, ou como é conhecido, “Opequenomiguel”, assim mesmo, tudo junto. Artista nato, com apenas 20 e poucos anos e que adora um mistério acerca de si mesmo…. O texto abaixo nos faz degustar as palavras de um modo intenso e profundo… aproveitem! Não é um texto de autoestima! Há tempos que, convicto de mim… me sento frente a uma lente, são caras e bocas e nenhuma das duas sorridente, São pratas e roupas, todas sujas e […]

Continue Reading

AGELESS OU SEM IDADE

Aprendi esse termo no final da semana passado, com a gostosa leitura do livro da Constanza Pascolato, a “Elegância do Agora” (só uma dica: se começou ler, só vai terminar quando acabar, impossível parar no meio!!) Foi ali no livro que achei a definição para me definir. Desde que cheguei aos 50´s vivia um conflito com o que realmente eu sou, penso e sinto, em relação as convenções (historicamente falando) que diz o que tenho que ser, a tal da […]

Continue Reading

TROCAS

    Quando criança morava na cidade de  Agudos (SP).  Lá quase todo mundo se conhecia. Em épocas de noites quentes, vizinhos sentados na calçada e criançada brincando na rua.  Era divertido! Haviam  trocas!!!    Hoje, em era de tecnologia,  nossos olhos normalmente estão fixos numa  tela de  smartphone e com isso perdemos essas trocas entre amigos, familiares e amores! O celular virou um acessório indispensável!      Além da falta de interação, a internet  criou  os “machões e machonas”. Subir o tom e “lacrar” é muito mais fácil atrás de […]

Continue Reading

Não responda com o fígado!

    O assunto muito me incomoda! Minha “brabeza”. Um de meus grandes defeitos! Bora lá para uma nova seção de terapia! Escrever! Me desnudar em palavras… Abertas à críticas, análises e julgamentos. Responder com o fígado não é a melhor solução. Tenho propriedade de sobra para escrever sobre o assunto. Sou o tipo de pessoa bravinha, brava ou bem brava. Do tipo que não leva desaforo para a casa e facinho de tirar do sério. Os adjetivos que já ouvi […]

Continue Reading