Coincidência ou sincronicidade?

Vamos começar definindo o que é sincronicidade:

A sincronicidade foi um conceito desenvolvido pelo psiquiatra suíço Carl Gustav Jung, fundador da psicologia analítica. Ela é utilizada para definir acontecimentos que se relacionam não por relação de causa e consequência, mas sim de significado.

images

Pensando nisso, ontem, estávamos no nosso grupo do whatsapp e de repente comentei que conheci um pessoa e me toquei que já tinha ouvido falar naquela pessoa…duas das amigas do grupo, já haviam estado com esta pessoa, numa outra situação e eu estive em outra completamente diferente, mas por algum motivo, eu conheci a mesma pessoa…

Há quem ache isso uma besteira, e eu, ao contrário disso, fico buscando qual a mensagem, qual o motivo, porque acho, sinceramente que nada acontece por acaso!

Além disso, ainda tem aquelas pessoas que “escutam” nossos pensamentos!

Você está em casa, pensando em alguém, quando de repente, o telefone toca… Do outro lado, a voz que responde ao seu “alô” é a da pessoa na qual você estava pensando.

Na noite da véspera do seu aniversário você sonha com uma borboleta. Um dos presentes que recebe no dia seguinte é um brinco em forma de borboleta!

Com certeza, coincidências desse tipo já podem ter ocorrido com você ou não, mas certamente você conhece alguém que já narrou esse tipo de experiência.

download

Para os mais céticos, fenômenos assim não passam de simples coincidência…

Para mim, que procuro entender esse lado “mágico” da vida, essas coincidências podem ter inúmeras interpretações e significados, e até mesmo serem vistas como “sinais”!

Porque resumindo: eu acredito que pensamento atrai!

Por Vanessa, que é extremamente exotérica e gosta simplesmente de acreditar…em tudo o que for bom!

Vem...leia também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *