Amo ser mãe!!

Privilégio que a vida nos deu, há quem diga que é padecer no paraíso!! Sentimos dores que nem sabemos explicar, filho chora dói na gente, fica doente e queríamos que a dor fosse transferida imediatamente para nós.

Começou com um susto quando descobri estar grávida, já estava de 3 meses e meio, engravidei no meio de um tratamento, aonde o médico deixou bem claro que as chances de eu engravidar seriam mínimas, mas uma vez a vida nos surpreende e lá veio minha primeira boneca de verdade, e lá veio uma gravidez cheia de incertezas e dores, e muito rapidamente ela chegou adiantada de 8 meses.

Me vi com uma criança no colo e levei minha vida adiante, tendo que trabalhar e cuidar dela e me virar nos trinta, mas nada que não damos conta, temos que ser estudadas por cientistas urgentemente, como conseguimos conciliar tantas funções.

E depois de 7 anos recebi outro presente que veio para completar a minha alegria, tenho duas princesas que amo tanto que chega a doer. Sempre ouvi isso é não entendia até elas nascerem. E quando ouvi a versão da música Trem Bala feitas para as mães definiu para mim o que é ter esse privilégio que a vida me deu!!

IMG_7214

Não é sobre ter todas as pessoas do mundo pra si
É sobre saber que, em algum lugar, alguém zela por ti
É sobre, desde cedo, aprender a reconhecer a sua voz
É sobre o amor infinito que sempre existiu entre nós

É saber que você está comigo
Nos momentos que eu mais preciso pra me acompanhar
Então fazer valer a pena
Cada verso daquele poema sobre o que é amar

Não é sobre chegar no topo do mundo e saber que venceu
É ver que você me ajudou a trilhar cada caminho meu
É sobre ter abrigo e fazer morada no seu coração
E se eu precisar, você sempre irá me estender sua mão

A gente já passou por tudo
Qual seria a graça da vida sem você aqui?
Pra ser o meu porto seguro
O presente que a vida me deu logo que eu nasci

Não é sobre tudo que o seu dinheiro é capaz de comprar
E sim sobre cada momento que juntas pudemos passar
Contigo aprendi que o mais importante é ser do que ter
E pelo que eu me tornei só tenho a te agradecer

Você me segurou no colo
Sorriu e entendeu realmente o que era amar
E eu desde o primeiro dia
Tão pequena, já soube que em ti podia confiar

Compositor: Ana Vilela

Vem...leia também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *