Gratidão do presente e do futuro!

Depois de um longo inverno, chega primavera, linda, florida, azul, amena, pernas de fora e cheia de boas intenções! Isso mesmo, boas intenções! Como não se sentir tomada por um sentimento de felicidade e gratidão quando se trata de primavera! Não me canso de falar, que é minha estação favorita. E tempo desabrochar, de agradecer a natureza por esse magnifico espetáculo!

GRATIDÃO é um substantivo feminino (tinha que ser)! “Característica ou particularidade de quem é grato. Ação de reconhecer ou prestar reconhecimento (a alguém) por uma ação e/ou benefício recebido; agradecimento: recebeu provas de gratidão. Do latim: gratitudo.inis”. (Aurélio)

 Gratidão é um sentimento de reconhecimento, uma emoção por saber que uma pessoa fez uma boa ação. Gratidão é quase uma “dívida”, é querer agradecer a outra pessoa ou alguém ou a algo, por ter feito o bem (seja qual forma for), um gentileza, um abraço, um sorriso, um afago, um acolhimento.

Gratidão3A gratidão nunca vem sozinha ela é acompanhada de outros sentimentos, como AMORFIDELIDADEAMIZADE e muito mais. Gratidão é um sentimento nobre e florido!

No entanto, o contrário também existe, os que não são gratos, são ingratos…mas hoje não vamos falar desse sentimento e pessoas tão pouco nobres.

Eu agradeço todos os dias… agradeço quando acordo por mais um dia a ser vivido e quando vou dormir por mais um dia vivido. Uma amiga minha também me ensinou a ser grata por aquilo que ainda não temos mas estamos batalhando que aconteça. Exercício lindo, onde você já se imagina naquele cenário desejado, e agradece por ele. Minha gente, esse exercício de gratidão futura é infalível!

gratidão 2Sou G R A T A

  • Pela saudade que sinto de minha mãe, que partiu, porque sei que essa saudade vai eterniza la em meu coração;
  • Pela minha grande família de sangue, pela família por lei, pela família do coração que a vida me deu;
  • Pelos meus filhos, marido, sobrinhos, irmãos, pai, mãe, vó, vô, tio, tia, primos…
  • Pelos amigos que conquistei em cada lugar que morrei. Pelos amigos da infância de Orleans, da universidade em Florianópolis, do começo de vida em Curitiba, do novo recomeço de vida em Leeds/UK, pelo segundo recomeço de vida em Curitiba.
  • Pelos amig@s que fiz junto com minha vida profissional;
  • Pelas amig@s que fiz quando me tornei mãe;
  • Pelas minhas dificuldades, pois elas me fortaleceram;
  • Pelas minhas derrotas, pois elas funcionaram como molas propulsoras;
  • Pelas minhas dores, pois elas me impulsionaram a buscar uma solução;
  • Pelas minhas conquistas, que sempre foram resultado de muito esforço (não sei vocês, mas para mim nunca nada caiu do céu);
  • Pelos NÃO que recebi, porque nunca me impediram de correr atrás do SIM;
  • Pelos meus 3 irmãos, 1 marido e 2 filhos, que fizeram do meu universo feminino bem prático e mais racional;
  • Por tod@s que cuidam de mim, me fazem um café, estão sempre dispostos a conversar e me ajudar;
  • Por tod@s que me fazem pensar, escrever e crescer;
  • Por tod@s que me fazem rir e dançar;
  • Pelo caminho que ainda tenho que trilhar para chegar onde quero;
  • Pelo futuro dos meus filhos;
  • Pelas férias que virão;
  • Pelas conquistas que acontecerão;
  • Pela minha caminha da evolução espiritual;
  • Porque tenho amigos vizinho em todas as situações;
  • Pela minha saúde;
  • Pelo meu discernimento;
  • Pela minha intuição, que nunca falha…
  • Por enxergar o copo sempre cheio;
  • Pela minha fé e por toda essa energia que nos move, denominada DEUS;
  • Por mais essa primavera linda que está chegando.

Por Mari, que tem muito mais a agradecer, também agradece a isso, pois é sinal que está sempre recebendo o bem!

 

 

Vem...leia também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *