Sobre SONHOS e padaria!!!

Ahh Barão de Itararé, quanta sabedoria e objetividade para falar de sonhos!

A praticidade é justamente para nunca desistirmos dos nossos sonhos, ou  pararmos de sonhar!”

Qual é o seu sonho? Inalcançável, bobo, absurdo, simples, fácil…

Enfim, seja qual for o adjetivo, ele é seu e não permita que ninguém o deprecie ou faça você desistir dele!

Recentemente conheci uma senhora, Dona Elisa, aposentada a anos, com seus 85 anos, em um vôo para Brasilia. Ela estava toda bem vestida, cabelos caprichosamente pintados e penteados, unhas feitas, salto alto (da linha confort porque ela é muito esperta). Até ai nada de mais,  ela me pediu para ajudá-la com o cinto de segurança e seguiu  me agradecendo e na sequência emendou sua história, melhor o seu sonho!

Ela me contou que naquele exato momento, ela iria realizar o sonho da vida dela! Andar de avião pela primeira vez! E para que esse sonho se tornasse realidade foram anos de planejamento. Ou melhor de economia. Guardando, todos os meses, uma quantia para que pudesse realizar seu sonho. Comprar as passagens! E todas as pompas e circunstâncias que o imaginário dela permitia para a ocasião. Comprar roupa e calçados novos. Ir ao salão, fazer cabelo, unha, táxi, restaurante e ir ao Memorial JK.

Nessa altura da conversa, houve uma pausa para ela desfrutar da decolagem e, em pleno voo de brigadeiro, ela saboreou todos os petiscos e bebidas que a companhia aérea ofereceu! Sorridente ela me disse: “é possível mesmo a gente comer nas nuvens!” Perguntei por que Brasília? Ela me respondeu era o mais longe que ela podia ir e voltar no mesmo dia, pois  não havia dinheiro suficiente para o hotel! E tinha o Memorial JK que também era o outro sonho dela conhecer!

Sabe dois sonhos realizados em  1 dia! Dona Elisa consegui!

E o seu? Qual é o seu sonho? No curto, médio e longo prazo! Dona Elisa já nos ensinou, realizar sonho exige planejamento e determinação!

Não importa a sua idade ou o tamanho do seu sonho! Não se sinta “tolo”. O importante é ter um para realizar. Para algumas pessoas é mais fácil, para outras mais difícil! Você é único e na sua unicidade só você sabe a intensidade, a necessidade e a vontade de realizar o sonho! Sem se preocupar com a opinião alheia.  Ninguém vai entender mesmo um sonho pessoal, justamente porque ele é pessoal e intransferível. Por outro lado, ninguém vai ficar tão feliz quanto você de  realizar um sonho. Lembram da faceirice da Dona Elisa?!

Meu filho mais novo, tinha um sonho de ganhar 1 kilo de damasco e de castanha de caju só para ele. Sonho de curto prazo e fácil de realizar. Foi só pedir de presente de aniversário!

Meu filho mais velho, tem o sonho de fazer intercâmbio. Sonho de médio prazo e planejamento. Lava louça e o carro para ter uma renda e poupar para seu intercâmbio.

Os meus? Geralmente envolvem viagens! Sonho em conhecer a Dinamarca, Finlândia, Islândia, Noruega, e a cidade de Moscou, Berlin… e assim por diante.  Então, “bora” continuar o planejamento dando prioridade ao meu desejo maior!

E você, qual o seu sonho? 

Quantos outros exemplos podemos citar de pessoas e seus sonhos! Muitos não realizam ou não falam dos seus sonhos porque tem medo ou vergonha de serem criticados! E daí se você sonha em conhecer o Peloirinho, o Monte Fuji, com uma casa nova? Com um spa 5 estrelas (esse é meu tbém), com uma bolsa da LV, comprar um I-phone? É seu, corra atrás!

Não esqueça! Tenha um sonho pra chamar de seu. Nada é tão seu quanto seu sonho.

Por Mari que tem sempre um sonho na manga em caso de emergência!!!

Vem...leia também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *