80 anos!!!!

80 anos!!!! Não é para qualquer um…
Esse senhor, lindão e super maravilhoso que está comigo na foto está chegando a bela marca de 80 anos! O dia é 09/05! Apresento a vocês, nada mais, nada menos que meu excelentíssimo PAI, Sr. OSWALDO MILARÉ!
Passou um filme na minha cabeça de tudo que já vivemos juntos…! Afinal já o conheço há 50 anos! As palavras parecem confusas na minha mente para traduzir tanto amor que tenho por ele. Como não lembrar de tantas coisas boas? De tanto aprendizado?

Agora, pai, a conversa é direta com você, olho no olho…
Lembro tão bem…
… de, você pai, me ensinando a falar goiabada (quem conhece, vai entender…);
… dos meus bilhetinhos na sua xícara de manhã e que sempre vinham finalizados de um sim seu….
…do carinho mais que especial que você tinha com minha vó Menha, sua sogra, e que o tinha como um filho!
… de nossas viagens de férias, de carro. Você amava vir para o sul. O roteiro sempre pronto! Almoçar em Ponta Grossa no restaurante La Gôndola… Dormir em Curitiba, perto do bondinho da rua XV… Seguir para Balneário Camboriu e depois para Gramado…Era bom demais!
… de quando fui sua “secretária” lá na Brahma (hoje Ambev) e que eu tinha que pegar sua assinatura em alguns documentos. Rolava aquele risinho disfarçado no cantinho da boca quando eu falava: “Sr. Oswaldo, o senhor pode assinar aqui?” Fico pensando o que passava na sua cabeça? Será que era tipo: Meu Deus, minhas menininhas cresceram!
…das broncas que me dava e que hoje entendo, necessárias e que me fizeram aprender e crescer…
…das primeiras lágrimas que vi escorrer em sua face, quando há quase 30 anos atrás me deixou aqui em Curitiba! Eu estava saindo debaixo de suas asas, mas jamais de seu coração. Não imaginava ver aquela cena e nem suas lágrimas. Fiquei tocada, mexida mesmo. Mas, eu tinha a certeza que estava tomando a decisão certa e você simplesmente me apoiou com seu abraço!!!! Aquele dia, eu tive a certeza que nossos laços jamais seriam desfeitos! Nunca, nunca mesmo!

Lembro tão bem…
…de você dançando comigo em minha formatura… orgulhoso… eu percebi viu?
…da conversa num bar lá em Bauru, só eu e você, e que você se abriu comigo sobre relacionamentos… Lembra? Me fez sentir tão adulta e do seu jeito, sua parceira!
…da conversa honesta e sincera que só um pai que ama os seus pode ter, quando contamos eu e o Eve sobre a nossa decisão em casar!
…e o dia que me levou até o altar? Foi mágico. Você percebeu o quanto eu tremia e me segurou firme em seu braço e me levou….

… de quando seus netos chegaram e você se desmanchou com cada um deles. Até parou de fumar…

Você sempre teve um jeito peculiar e único. Poucas são as pessoas que entendem você e sua essência.

Um pai dedicado à família, que nos ensinou a vida toda que nada vem de graça e que o trabalho dignifica o homem. Homem integro, cheio de muita “italianisse” e que tem energia em tudo que faz.
Sem dúvida herdei muitas coisas de sua genética e que vão além da aparência física. Talvez a “brabeza” seja uma delas. Por isso, nem sempre nossas conversas são tranquilas e calmas… né? Isso em nada diminui o meu amor e a gratidão por ter sido escolhida por Deus para vir a esse mundo como sua filha!
Tinha uma frase escrita na minha “lembrancinha” de 1 ano que dizia:

“Sou pequenininha
Do tamanho de um botão
Carrego papai no bolso
E mamãe no coração”

Frase fofinha, cheinha de graça… Mas pode ter a certeza que eu jamais carreguei você no bolso. Carrego você no peito, com muito muito carinho, amor e  muito orgulho!

Tenho uma enorme admiração por você!


Pai, desejo que seus 80 anos seja marcado de amor e carinho! E eu sempre, sempre estarei aqui do seu lado, mesmo estando a alguns quilômetros de distância.
Te AMO hoje e sempre!
Simplesmente Pathy, sua filha!

Vem...leia também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *